A maior dificuldade como escritor e estratégias encontradas para superá-la

Dificuldades são travas reais ou imaginárias que atrapalham uma atividade, um trabalho, um relacionamento ou até mesmo um sonho de se tornar realidade. Escritores são contadores de histórias que trabalham com a fluidez da escrita para organizar seus sentimentos em forma de palavras. Quando o escritor encontra uma dificuldade, é como se suas personagens estivessem em perigo, numa trajetória cheia de armadilhas, numa trilha na floresta com vários caminhos ou um muro aparentemente impossível de se derrubar. A dificuldade pode ser de várias formas e tamanhos, igualmente significantes para o escritor e seu herói. Isso não quer dizer que a história termina ali.

Um amigo me disse uma vez que um escritor sofre de sintomas semelhantes aos de um atleta: se esforça religiosamente para atingir seus maiores sonhos e lida todos os dias com as inseguranças de não os conquistar. No cotidiano, creio que a insegurança possa ser um dos sentimentos mais interessantes para caracterizar minhas personagens, porém o mais assustador a sentir como escritor. Dessa forma, quando a maior dificuldade for uma batalha entre o medo da realidade humana e as expectativas fantásticas, algumas ferramentas são necessárias.

Manter as expectativas sob controle ajuda a não alimentar as possíveis e prováveis frustrações. A linha entre os sonhos e a realidade é ainda mais tênue entre aqueles que se entregam à fantasia das palavras todos os dias. Manter este controle é ser capaz de enxergar a beleza do criar sem esperar que a criação te dê algo em troca. Ao escrever pensando nos personagens, nos cenários e na narração – e não no que as pessoas vão achar dela – você transfere mais sinceridade e paixão. Como os relacionamentos humanos, é difícil segurar por muito tempo a sensação de estar enganando a si mesmo para poder agradar ao outro.

Os seus medos também podem ser compartilhados. Conversar com amigos – escritores ou não – ajuda a equilibrar a mente e passar pelos obstáculos comuns do desânimo com a obra. Saber que sua história lhe pertence, mas seus medos são denominadores comuns, faz com que a sensação de dificuldade se torne apenas mais uma pedra para a construção de um grande castelo. Compartilhar e ouvir faz com que o caos se desfaça e você, assim como seu personagem, vença as dificuldades dos obstáculos em sua jornada fantástica – nos livros e na vida real.

texto por Bruna Gil,

ganhadora do concurso cultural promovido pelo blog do Clube de Livros junto ao editor Mateus Ciucci.
Facebook Comments

2 comentários em “A maior dificuldade como escritor e estratégias encontradas para superá-la

  • 4 de setembro de 2017 em 13:16
    Permalink

    Muito interessante o post, e eu concordo com tudo… Sofro bastante com isso 🙁

    Resposta
  • 9 de setembro de 2017 em 13:46
    Permalink

    Adorei este texto! Bem interessante ❤

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: