MATÉRIA | Série X livro: 13 reasons why

 

É notável que 13 reasons why agitou as mídias sociais nas últimas semanas. Seja dividindo as opiniões, positivas ou negativas. Uns gostaram e outros não. Pensando nisto nós do Clube de Livros resolvemos trazer uma comparação entre o livro e a série, mostrando o que mudou e o que continuou igual.
A separação por lado de fitas

Tanto na série como nos livros os capítulos/episódios são divididos pela numeração das fitas. Neste quesito a série seguiu fielmente o livro.

Demora em Clay ouvir as fitas 

Esta foi a diferença gritante entre a série e o livro. Clay, no livro, ouve as fitas numa só noite já na série são quase duas semanas (o que para muitos tornou a série um tanto quanto cansativa).

Clay vingativo? (Melhor coisa!) 

Ao decorrer das fitas Clay vai sendo tomado por uma sede de justiça, querendo vingar a morte de Hannah. No livro ele se recusa a atirar a pedra na janela do Tyler, o que aparentemente não ia acontecer na série, porém, a cena que foi apresentada, também não aconteceu no livro, fazendo com que seja uma diferença drástica na “personalidade” do Clay (mas tornando o personagem mais real).

Sheri e Jeff? Quem são eles? 

Para quem leu o livro sabe que Sheri e Jeff não existem nas páginas. Eles foram totalmente adaptados para a série, tendo um papel mais efetivo. Sheri é Jenny Kurtz no livro. Jeff é o garoto do acidente de carro, mas no livro não foi citado nome. Era apenas mais um aluno. Nada mais.

Foco em todos os personagens 

Na série podemos conhecer um pouco mais de cada um. Foram adicionados problemas pessoais e afins para um melhor desfecho da história. No livro só sabemos dos personagens através do que Hannah nos conta.

Estupro da Hannah 

O livro não nos dá muitos detalhes do que Bryce fez com ela. Apenas diz que ele pôs a mão dentro do biquíni dela e que ela chorou. Já a série retrata toda a asquerosidade do ato violento.

Atualidade no enredo da história 

Outro ponto que a série aborda é o impacto da exposição do intimo na internet tem na vida dos jovens e como isso afeta seu comportamento e interação para com os outros. Este é um contexto diferente do abordado no livro já que há 10 anos se vivia um ambiente social diferente.

Morte da Hannah 

Foi de se chocar ao ver o suicídio na série. Não tem como ficar indiferente ao vê-la cometer o ato. Teve bastante impacto em quem assistiu. Contudo, foi uma morte diferente do livro. Na obra literária, Hannah consome uma quantidade exagerada de comprimidos e morre por overdose.

Finalmente as fitas são passadas para outra pessoa 

Uma diferença no seguimento da história é que Clay é o porquê 9 no livro e então após ouvir todas as fitas ele passa adiante e temos o fim de tudo. Já na série ele é o 11, onde deixa de entregar as fitas para Bryce e as entrega para o Sr. Porter. E também criando um décimo quarto lado nas fitas contendo a confissão de Bryce sobre o estupro.

Fim da série! Alex morto? Tyler tem um arsenal? 

O fim da série deixa muitas coisas em aberto. Uma dessas coisas é a morte do Alex. Não nos foi dado muitas informações e nem como aconteceu. Outro ponto é o arsenal do Tyler! Se você reparou na caixa baú percebeu que ele guarda mais do que câmeras fotográficas ali. Será que ele vai sair matando geral? Seriam esses motivos para uma possível segunda temporada?
Já conhecia essas diferenças? Sabe de mais alguma que não citamos? O que gostou e o que não gostou na série? Fiquem a vontade para nos dizer nos comentários!

Facebook Comments

Um comentário em “MATÉRIA | Série X livro: 13 reasons why

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: